Entre em contato

(43) 3343-5001

06.08.2018

Mercado de imóveis de luxo no Brasil cresce 20% no último ano


Se tem um setor do mercado imobiliário brasileiro que cresce em números consideráveis em 2018 é o de imóveis de luxo.  Seja para morar ou para investir, os compradores estão cada vez mais procurando esse tipo de imóvel e encaram a compra de um apartamento em empreendimentos desse tipo como investimento. Em recente nota, o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP) divulgou que está otimista com o crescimento do mercado imobiliário em 2018. Segundo a revista Exame a procura por imóveis avaliados em mais de R$ 1,5 milhão continua a aumentar. Um dos poucos setores que não foi atingido pela crise, cresceu 20%. Esses números devem crescer ainda mais com as medidas divulgadas recentemente pelo governo de aumentar para R$ 1,5 milhões o teto para utilizar o FGTS na compra de imóveis.

“O cliente que investe um valor desses em um imóvel, procura ambientes bonitos, elegantes e cheios de conforto e requinte. Ele quer tanto o estilo clássico, mas sem abrir mão da modernidade e exclusividade, em projetos feitos de acordo com seus gostos e sonhos, que vão tornar o imóvel em um bem de grande valor financeiro e estético. Ou seja, será um investimento 100% seguro e que apresenta ótimos resultados a médio e longo prazo”, afirma a consultora imobiliária Patrícia Priamo, sócia da GNI Negócios Imobiliários.

Estes imóveis representam conceitos importantes como bem-estar, conforto, elegância, estilo, riqueza e tranquilidade financeira. “O luxo está ligado conceito de conforto e requinte e estes imóveis oferecem isso”, completa Patrícia.

A GNI Negócios Imobiliários possui uma grande gama de apartamentos e casas que se enquadram nesta fatia do mercado. Acesso nosso site e confira.